Sophia estava no quintal, chutando sua bola nova para o alto e fazendo embaixadinhas. Um, dois, três... De repente, um passarinho verde-limão, com penas brilhantes como purpurina, pousou na bola, fazendo-a cair no chão! "Uau!", exclamou Sophia. O passarinho olhou para ela com seus olhinhos redondos e cantou uma melodia que parecia uma risada. Sophia sentiu um formigamento na barriga, como se algo mágico estivesse acontecendo.

O passarinho então bicou a bola e a rolou em direção a uma moita de flores roxas gigantes no fundo do quintal. Curiosa, Sophia seguiu o passarinho, que a conduziu por um caminho estreito e florido, até chegar a uma clareira escondida. No centro da clareira, um portal brilhante emanava uma luz dourada! Era como se o ar vibrasse com energia. "Onde será que eu estou?", pensou Sophia, maravilhada.

Do outro lado do portal, Sophia se viu em uma floresta exuberante, mais colorida e vibrante do que qualquer lugar que já tivesse visto. Árvores gigantes sorriam com seus olhos de tronco, cogumelos falantes sussurravam piadas e fadas esvoaçavam entre as flores, deixando um rastro de pó mágico. O passarinho verde-limão ainda a guiava, cantando alegremente.

De repente, Sophia ouviu gritos eufóricos. "Gooool!". Ela se aproximou de onde vinham os gritos e se deparou com um campo de futebol improvisado, onde fadas, duendes, gnomos e outras criaturas mágicas assistiam a uma partida acirrada. Era a final do Campeonato de Futebol das Fadas!

Join the Yuna Universe

Create your own stories

Sophia ficou encantada! Ela adorava futebol e nunca tinha visto um jogo tão incrível! As fadas driblavam com uma velocidade impressionante, os duendes eram goleiros imbatíveis e os gnomos, apesar de pequeninos, tinham uma força descomunal nos chutes! Sophia torcia e vibrava a cada lance junto com a torcida animada.

Durante o intervalo, o passarinho verde-limão pousou no ombro de Sophia e cantou em seu ouvido. De alguma forma, Sophia entendeu o que ele dizia: "As Fadas Azuis precisam de ajuda! Elas estão perdendo por causa de um feitiço!". Sophia, sempre disposta a ajudar, decidiu entrar em campo.

Com sua habilidade e entusiasmo, Sophia ajudou as Fadas Azuis a reverter o placar. Ela driblou os adversários com fintas espetaculares, fez passes precisos e marcou gols incríveis! A torcida foi à loucura! As Fadas Azuis vibraram com a vitória e agradeceram Sophia com abraços calorosos e um banquete mágico com frutas e doces encantados.

Depois da festa, o passarinho verde-limão guiou Sophia de volta para casa. Ela se despediu da Floresta Encantada, prometendo voltar para visitar seus novos amigos.

De volta ao seu quintal, Sophia se lembrou da aventura mágica. Ela olhou para a moita de flores roxas e viu que o portal ainda brilhava fraquinho. Sophia sabia que, sempre que desejasse, poderia voltar para a Floresta Encantada e seus incríveis jogos de futebol!

Naquela noite, Sophia contou tudo para seu avô, Lindolfo, um senhor sábio e aventureiro. Ele ouviu atentamente, com um sorriso no rosto. "Acho que essa história daria um belo capítulo no meu livro sobre lendas e contos do mundo!", exclamou Lindolfo, pegando seu bloco de notas. Sophia sorriu, feliz por compartilhar sua aventura mágica com alguém que a entendia.

Join Yuna

Create your own stories

Join Yuna

Create your own stories

Join the Yuna Universe

Create your own stories

Create your own stories