A Jornada da Coragem no Deserto Mágico

A Jornada da Coragem no Deserto Mágico

Alice estava em seu quarto, rodeada por suas bonecas, quando de repente, um raio de sol atravessou a janela e coloriu tudo de laranja! Era um laranja diferente, vibrante! Pogo, seu fiel cachorro de pelúcia, que jurava ser um unicórnio disfarçado, latiu, ou melhor, relinchou: "Alice, olha! Uma aventura nos chama!"

Curiosa, Alice se aproximou da janela. O raio de sol se transformou em um portal brilhante, que girava sem parar. Do outro lado, Alice viu um deserto mágico, com dunas de areia que mudavam de cor! Era lindo e convidativo. "Vamos, Pogo!", exclamou Alice, agarrando seu unicórnio de pelúcia.

Entrando no portal, Alice e Pogo aterrissaram em um mar de areia rosa e lilás! Era o Deserto Mágico! "Uau!", exclamou Alice, maravilhada. O vento soprava, formando rostos nas dunas, e de repente, uma melodia suave ecoou pelo ar.

"Quem está aí?", perguntou Alice, um pouco tímida.

"Sou eu, a Fada do Deserto!", respondeu uma voz doce. Uma linda fadinha, com asas brilhantes e um vestido feito de pétalas de rosa do deserto, surgiu flutuando. "Bem-vindos ao Deserto Mágico! Vocês estão aqui porque precisam aprender sobre a coragem."

Alice, que sempre foi aventureira, sentiu seu coração bater mais forte. "Coragem?", perguntou, curiosa.

Conheça a Yuna

Crie suas histórias sem nenhum custo

"Sim! Coragem é ouvir seu coração e seguir em frente, mesmo quando dá um medinho", explicou a fada, com um sorriso. "E para ajudar vocês nessa jornada, preparei um desafio!"

A fada, com um gesto de suas mãos, fez surgir um mapa no ar. "Sigam este mapa e encontrarão três desafios. Cada desafio pedirá um ato de coragem! Boa sorte, pequena Alice e bravo Pogo!"

Alice e Pogo, cheios de entusiasmo, começaram a seguir o mapa. O primeiro desafio era atravessar um campo de cactos falantes! Alice, lembrando do que a fada disse sobre a coragem, respirou fundo e, com cuidado, atravessou o campo, ouvindo as histórias engraçadas dos cactos.

O segundo desafio era ainda mais emocionante: cantar uma música para um grupo de esquilos mágicos! Alice, mesmo um pouco tímida, respirou fundo e cantou uma linda canção que sua mãe havia lhe ensinado. Os esquilos, encantados, dançaram e a aplaudiram com entusiasmo.

O último desafio era o mais difícil: escalar a duna mais alta do deserto! O vento soprava forte e a areia escorregava, mas Alice, lembrando da coragem que pulsava em seu peito, agarrou-se firme na areia e, passo a passo, com a ajuda de Pogo, que a encorajava o tempo todo, chegou ao topo.

A vista era espetacular! O sol tingia o deserto de mil cores, e Alice sentiu uma alegria imensa! A fada do Deserto apareceu, radiante. "Parabéns, Alice! Você demonstrou muita coragem! Aprendemos que a coragem mora dentro de nós, e nos dá força para vencer nossos medos!"

De repente, Alice se viu de volta em seu quarto. O portal havia desaparecido, mas a aventura ficaria para sempre em seu coração. Ela havia aprendido que a coragem era a chave para realizar seus sonhos, e que com ela, podia ir aonde quisesse, mesmo que fosse até o fim do mundo, ou melhor, até o fim do Deserto Mágico!

Conheça nosso app

Crie suas histórias
gratuitas

Conheça nosso app

Crie suas próprias histórias

Conheça nosso app

Crie suas próprias histórias

Crie suas próprias histórias