A Mudança Mágica de Alice

A Mudança Mágica de Alice

Cacau, a cachorrinha de Alice, era conhecida por sua energia! Ela adorava correr pela casa, brincar de buscar a bolinha e lamber o rosto de todo mundo. Seus pelos eram macios como algodão-doce e seus olhos brilhavam como duas jabuticabas. Hoje, porém, Cacau estava quieta, observando tudo com atenção. Era dia de mudança, e a família de Alice se preparava para deixar a casa em Brasília e partir para um lugar incrível: um castelo encantado!

Alice, com seus quatro anos, adorava se aventurar. Ela tinha uma imaginação enorme e amava brincar de ser fada. Com seu vestido rosa e uma varinha mágica feita de graveto, ela voava pelo jardim, transformando flores em cogumelos coloridos e pedrinhas em doces brilhantes. A mudança para o castelo a deixava muito animada! "Será que lá tem fadas de verdade?", ela perguntou para a mamãe, enquanto colocava suas bonecas em uma caixa.

Conheça a Yuna

Crie suas histórias sem nenhum custo

Ao chegarem no castelo, Alice ficou boquiaberta. Era enorme, com torres altíssimas, janelas coloridas e um grande portão de madeira. Um lindo jardim se estendia ao redor, com flores de todas as cores que ela conseguia imaginar e algumas que ela nunca tinha visto antes! Um passarinho azul cantava alegremente em um galho, como se estivesse dando boas-vindas à família.

Enquanto os pais de Alice organizavam as caixas, ela e Cacau exploravam o jardim. De repente, o passarinho azul voou até Alice e, para sua surpresa, começou a falar! "Olá, sou Pipo! Bem-vindos ao Castelo Encantado. Este lugar guarda muitos segredos e aventuras. Venham comigo, vou lhes mostrar tudo!", disse o passarinho, com sua voz doce.

Alice e Cacau seguiram Pipo por entre as flores e árvores. Ele as levou para conhecer duendes que cuidavam do jardim, fadas que faziam pinturas com pó de estrelas e até um unicórnio que brincava com um arco-íris! A cada novo canto, Alice se encantava mais com a beleza e a magia do lugar. Ela percebeu que, mesmo mudando de casa, a aventura e a alegria podiam estar em qualquer lugar, bastava ter um coração aberto para descobri-las.

À noite, deitada em sua nova cama no castelo, Alice abraçava Cacau, que lambia seu rosto com carinho. Ela estava feliz. A mudança, que antes parecia um pouco assustadora, se transformou em uma aventura incrível. Ela sabia que viveria momentos mágicos naquele lugar e que nunca se sentiria sozinha, pois a magia da amizade e da família estaria sempre presente, assim como o canto de Pipo, o passarinho azul, que a acompanhava pela janela.

Conheça nosso app

Crie suas histórias
gratuitas

Conheça nosso app

Crie suas próprias histórias

Conheça nosso app

Crie suas próprias histórias

Crie suas próprias histórias